Gestão Ambiental

 
Introdução

Gestão Ambiental

Com adoção do New Operating Model (Novo Modelo Operacional), a área de saúde e segurança ambiental (EHS) reafirma seu compromisso com os programas Serve the Environment (Servir o Meio Ambiente) e Product Eco Excellence (Excelência Ecológica em Produtos).

Em 2017, o departamento Environmen­tal Protection, Health and Safety (EHS) realizou uma série de workshops com as Unidades de Negócios. Neles, foram ela­borados planos de ações para todas elas, com um olhar 360º sobre cada processo e com o objetivo de reduzir os impactos ambientais das operações e produtos. Os dois programas têm a missão de pro­mover a eficiência de recursos (diminuir o consumo de água, energia e insumos) e a redução de resíduos e emissões de gases poluentes na atmosfera. Nos workshops, o EHS EP apresentou dados e novas ferramentas para monitorar es­ses indicadores ambientais. Para 2018, o departamento espera que os resultados desses programas sejam consolidados.

A maior preocupação da área é superar as metas de redução de substâncias poluen­tes estabelecidas pela Visão 2020. Para verificar seu desempenho, o time realiza um monitoramento mensal através de re­latórios e, trimestralmente, reporta para a Siemens AG todos os resultados por meio da plataforma virtual Siemens Environ­mental Safety Information System (SESIS - Sistema de Informações Siemens sobre Segurança Ambiental).

A Siemens tem o compromisso mundial de reduzir em 50% suas emissões de CO2 referente às suas atividades até 2020 e neutralizá-las até 2030. Três anos antes do final do primeiro prazo, a Siemens do Brasil já está quase atingindo a meta de redução. Uma das ações que contribui para esse objetivo é a política que exige o uso de etanol como combustível para veículos dos execultivos da empresa.

Outras metas são aumentar as eficiên­cias de gestão de resíduos e energética em mais de 1% ao ano até 2020. O de­partamento também tem conseguido monitorar a emissão de SF6 (hexafluore­to de enxofre) na fábrica de Jundiaí (SP) e de gases orgânico-voláteis, oriundos da utilização de solventes e tintas.

O projeto-piloto de EHS em projetos no Brasil continuou em desenvolvimento em 2017. O objetivo é prever todos os possíveis impactos de EHS nos projetos realizados pela Siemens, a fim de mitigar riscos, com ganhos tanto para o meio ambiente quanto para a rentabilidade da empresa, e maior proteção à saúde e segurança dos colaboradores e contrata­dos nos projetos.

Outro tema trabalhado pela equipe foi a recertificação das normas ISO 14001 e OHSAS 18001, pela qual passou toda a organização em 2017, e isso deve trazer novas mudanças em nossa governança para os próximos anos. Agora, o foco dei­xa de ser analisar os aspectos, impactos, perigos e riscos de maneira isolada, pas­sando a pensar em uma gestão de risco, um olhar mais sistêmico para os proces­sos. Isso deve representar uma responsa­bilidade muito maior para as lideranças.

Indicadores GRI - G4: DMA • EN6

Download do Relatório em PDF

Nesse relatório você tem acesso aos dados de desenvolvimento dos negócios da Siemens, além de outras informações relacionadas às nossas atividades financeiras no ano de 2017.