Entender seus dados é a chave para um futuro de inovação

Com aparelhos e máquinas cada vez mais conectados e inteligentes, saber como processar grandes volumes de dados pode diminuir custos e aumentar a eficiência.

Até 2020, serão 42 milhões de aparelhos conectados no Brasil. Isso vai gerar volumes enormes de

dados a todo instante. Se antes só aparecia em filmes de ficção científica, a Internet das Coisas (IoT)

hoje é uma realidade presente no dia a dia e uma indústria que deverá movimentar US$300 bilhões

no próximo ano. Mas como é possível usar os insights coletados por aparelhos e máquinas

inteligentes para ter vantagens competitivas na indústria e nos negócios?

 

A resposta está na construção de uma interface intuitiva e personalizável, que faça com que os

tomadores de decisões nas indústrias e empresas possam conversar com seus aparelhos e linhas de

produção e entender as mudanças e melhorias que podem ser feitas para beneficiar seus negócios,

clientes e consumidores finais.

Soluções integradas e transparentes

O MindSphere é o sistema operacional aberto e em nuvem da Siemens. Ele é baseado em IoT, que permite conectar máquinas e infraestruturas físicas ao mundo digital e aproveitar grandes volumes de dados de dispositivos inteligentes para gerar insights transformadores em toda a cadeia produtiva de negócio. O MindSphere oferece uma Plataforma de Serviço em nuvem (PaaS) escalável e econômica. A plataforma foi pensada para permitir o desenvolvimento de aplicativos e a conectividade entre serviços baseados em dados da Siemens e de terceiros. Além disso, a PaaS permite a integração entre aplicativos e serviços.

Aumentando a eficiência das fábricas

Com chips e sensores a preços acessíveis, hoje é possível modernizar até as estruturas analógicas já

existentes para que passem a coletar dados e se integrar com tecnologias modernas por meio do

MindSphere. Isso permite não só monitorar e controlar condições como temperatura, pressão,

qualidade do ar e umidade das fábricas para ajustar o ambiente para uma produção mais eficiente,

como também diminuir custos e tempos de parada. Quando analisamos os dados coletados por cada

máquina, conseguimos prever quando as peças devem ser trocadas ou quando o equipamento

precisa de manutenção.

Reduzindo custos de operações com ambientes digitais

Além de permitir a análise de grandes volumes de dados em tempo real, gerando relatórios e insights que podem ser utilizados para aumentar a eficiência, o MindSphere também colabora para a redução dos custos operacionais: com a digitalização dos aparelhos e interfaces que podem ser

utilizadas em tablets e smartphones, é possível operar uma planta fabril da China no Brasil.

Quer saber mais?

Fique atualizado o tempo todo: tudo o que você precisa sobre transição energética, automação e digitalização! 

Receba nossa Newsletter com as principais notícias.

Inscreva-se agora!