Compatibilidade eletromagnética em painéis de controle

Uma alta proporção de interrupções em máquinas e plantas industriais, podem ser atribuídas a influências eletromagnéticas. Muitos casos podem ser resolvidos observando as regras de compatibilidade eletromagnética EMC para projetos de painéis de controle industrial.

Manual prático de referência EMC

Baixar manual de referência

Muito importante

Compatibilidade eletromagnética na prática

O fenômeno relacionado ao EMC causa continuamente interrupções em máquinas e plantas industriais, intercalando desde pequenas falhas com paradas esporádicas até danos permanentes nos circuitos eletrônicos de equipamentos no painel de controle industrial. Um planejamento conciso e uma montagem correta, podem prevenir este tipo de interrupções no campo.

Fabricação de painel de controle com compatibilidade EMC na prática

Baseado em uma aplicação com o inversor SINAMICS G120, o vídeo ao lado mostra como construir um painel de controle em acordo com os requerimentos da diretiva EMC baseada em zonas. Adicionalmente a uma explicação passo-a-passo, você receberá dicas práticas e valiosas de como evitar possíveis erros de montagem. 

 

Mais informações sobre o SINAMICS G120

Definições básicas

A diretiva regula recomendações para o correto funcionamento do equipamento, sendo que o termo equipamento, aqui se refere a um único aparelho ou a uma instalação estacionária.

  • Definição de “aparelho” conforme a diretiva EMC:
    “Aparelho” significa qualquer dispositivo acabado ou a combinação do mesmo, disponível no mercado como uma unidade funcional única, projetada para uso confiável por consumidores e sem a geração de distúrbios eletromagnéticos, ou que mantenha a performance esperada sob a influência destes distúrbios.
  • Definição de “instalação fixa” conforme a diretiva EMC:
    “Instalação fixa” significa uma combinação particular de diversos tipos de aparelhos e, onde aplicável, outros dispositivos, os quais são montados, instalados para intencionalmente serem utilizados permanentemente em uma localidade pré-definida.

O escopo da diretiva EMC não inclui:

Questões de segurança e riscos do equipamento, ex. para pessoas, campos eletromagnéticos gerado pelos equipamentos e suas consequências. Este caso é coberto pelas normas de sistemas de rádio e terminais de telecomunicações (R&TTE/RED diretiva 2014/53/EU).

Mais informações

O que os fabricantes de painéis devem levar em consideração

O correto funcionamento do equipamento é garantido pela definição do nível adequado de compatibilidade eletromagnética.

Deste modo, equipamentos elétricos devem ser projetados e fabricados para garantir que:

  • As distorções eletromagnéticas geradas não excedam um nível superior ao qual os equipamentos de rádio e telecomunicações ou outros equipamentos eletrônicos, não possam operar adequadamente
  • Tenha um nível de imunidade às distorções eletromagnéticas aceitável e que seja permitido a operação normal em tais condições

O Anexo 1 da diretiva EMC define os seguintes requerimentos:

 

Requerimentos de proteção:

  • Limitação da emissão de interferências – grau de imunidade adequado
  • Projetado e fabricado de acordo com o estado da arte

Requerimentos específicos para instalações fixas:

  • Instalado aplicando boas práticas de engenharia
  • Respeitando as orientações de uso dos componentes
  • Pessoa responsável mantém os documentos para inspeções

Mais informações

Guia para análise de risco

Dentro do escopo da nova diretiva EMC, fabricantes necessitam também avaliar a compatibilidade eletromagnética dos aparelhos com base no fenômeno eletromagnético e verificar se os requerimentos da diretiva são satisfatórios.

Evidências de compatibilidade eletromagnética atestadas em relatórios técnicos baseado em testes de avaliações EMC por especialistas não são mais suficientes.

 

Para fazer a avaliação de análise de risco dentro do escopo da diretiva, o comitê Normativo Eletrotécnico Europeu (CENELEC) oferece o CENELEC Guia 32, como referência para equipamentos que operam em baixa voltagem.

Mais informações

Quando não há a exigência de marcação

Um equipamento não necessita ser submetido a uma avaliação de conformidade se colocado no mercado exclusivamente para integrar uma instalação fixa.  Como painéis de controle são geralmente concebidos como componentes de instalações fixas, uma declaração de conformidade UE (União Europeia) e marcação CE não são requeridos para o equipamento, mas sim para o painel como conjunto.

 

Importante:  Mas, de qualquer maneira, o equipamento em questão necessita estar tecnicamente em acordo com os requerimentos da diretiva, porque as autoridades de inspeção europeias, podem solicitar uma prova técnica, principalmente nos casos que existem sinais explícitos de não-conformidade ou em casos de denúncias.

Mais informações

Mudanças relevantes do ponto de vista legal

A nova diretiva EMC 2014/30/EC não contém revisões técnicas em comparação a diretiva anterior EMC 2004/108/EC, que expirou em 20 de abril de 2016.  Assim como as diretivas NFL, as mudanças essenciais referem-se no esclarecimento de operadores econômicos, marcações no equipamento e documentação.

Questões de segurança e riscos do equipamento, ex. para pessoas, campos eletromagnéticos gerado pelos equipamentos e suas consequências. Este caso é coberto pelas normas de sistemas de rádio e terminais de telecomunicações (R&TTE/RED diretiva 2014/53/EU).

Mais informações

EMC – Compatibilidade eletromagnética para o SINAMICS

Baixar revisão técnica

Downloads

Mais informações

Você pode fácil e rapidamente encontrar aqui, links de suporte e materiais para baixar e ler
Guia

Manual prático de referência EMC

Para ter acesso ao conteúdo, por favor, preencha o formulário abaixo: